Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Como Hermione

     O "Desafio dos Pássaros" é um desafio de escrita promovido pela página com o mesmo nome e foi um dos motivos que me levou a criar este blogue. Simplificando, a cada 15 dias é lançado um tema/frase, que serve de base à criação dos textos. A frase desta semana é a seguinte:

Foi o que ouvi

 

   Eis o resultado

     É certo e sabido que toda a rua tem a sua patrulha. Não, não estou a falar de patrulha policial, mas antes daquela pessoa, ou grupo de pessoas, que sabe sempre tudo o que acontece na sua rua e tudo o que se passa na vida dos vizinhos. Desengane-se quem acha que a coscuvilhice é um exclusivo do género feminino; o masculino não está, de todo, excluído destas andanças.

     De um lado e do outro, existem grandes casa, altas e floridas. No ar, corre uma leve brisa que transporta o cheiro das flores e o chilrear alegre dos pássaros. As comadres preparam-se para o relatório do dia. Uma delas, a mais baixa, um pouco corcunda e alegre, mora no final da rua. A outra, alta, de olhos escuros e rosto simpático, mas matreiro, mora no meio. A terceira, a mais nova, mais alta e mais simpática, mora no início. Os mais atrevidos poderão dizer que escolheram as suas casas a dedo, em posições estratégicas para terem uma melhor visão de tudo o que acontece, mas isso não é verdade. Foi apenas uma coincidência.

     Quem deu a notícia às outras duas foi a mais nova. Contou-lhe o Sr. Amílcar, o vizinho da frente. Ao que parece, há um novo desafio que anda a deixar a aldeia empolgada.

     - O quê? Um desafio de quê? – pergunta a do rosto matreiro.

     - Segundo consta por aí, é um desafio de escrita – responde a porta-voz da notícia. Acho que é lançado um tema e depois cada um escreve o que lhe apetece sobre ele.

     - Ah, já estou a perceber. É capaz de ser divertido. Será que também posso participar?

4 comentários

Comentar post